Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Marcha Mundial pela Paz e pela Não-Violência

Mäyjo, 20.05.09

Vejam/explorem em

http://www.theworldmarch.org/index.php?lang=por

projecto/iniciativa da Marcha Mundial pela Paz e pela Não-Violência, iniciar-se-á na Nova Zelândia, no dia 2 de Outubro de 2009, aniversário do nascimento de Gandhi e declarado pelas Nações Unidas como “Dia Internacional da Não-Violência”.

Terminará na Cordilheira dos Andes, em Punta de Vacas, aos pés do Monte Aconcágua em 2 de Janeiro de 2010. Durante esses 90 dias, passará por mais de 90 países e 100 cidades, nos cinco continentes. Cobrirá uma distância de 160.000 km por terra.

Alguns itinerários serão percorridos por mar e por ar. Passará por todos os climas e estações, desde o verão tórrido de zonas tropicais e do deserto, até o inverno siberiano. As etapas mais longas serão a americana e a asiática, ambas de quase um mês. Uma equipa base permanente, de cem pessoas de diversas nacionalidades, fará o percurso completo.


Porquê?!

 

Porque a fome no mundo pode ser resolvida com 10% do que se gasta em armamento. Podemos imaginar como seria, se 30 ou 50% fossem destinados para melhorar a vida das pessoas, em vez de serem aplicados em destruição?

 

 

 

Recursos Marítimos - Ficha de trabalho - 10º Ano

Mäyjo, 20.05.09

 

As potencialidades do litoral e a actividade piscatória
 
I – As potencialidades do litoral
1-      O mar é extremamente importante para a vida dos portugueses.
1.1-Justifica a frase.
1.2- Dá exemplos de recursos que obtemos a partir do mar.
 
 
2-      Portugal continental tem uma linha de costa com cerca de 943 km.
2.1- Define litoral.
2.2- Identifica as paisagens que constituem o litoral português.
2.3- Justifica a dinâmica do litoral.
2.4- Distingue costa de emersão de costa de submersão.
2.5- Explica o papel erosivo do oceano.
2.6- Identifica os tipos de costa que existem em Portugal.
2.7- Justifica a existência desses tipos de costa.
2.8- Explica o processo de abrasão marinha e de formação de uma arriba fóssil.
2.9- Identifica outras formas de relevos litorais devidos à abrasão marinha.
 
 
Configuração da costa portuguesa e localização dos principais portos
1-      Como já foi referido, em Portugal existem áreas de costa de arriba e áreas de costa de praia.
1.1-                       Completa o quadro indicando as regiões onde se localizam.
Costa de arriba alta
Costa de praia
 
 
 
 
 
 
 
 
Açores
Madeira
 
 
2-      Apesar da costa portuguesa ser rectilínea e regular, existem alguns acidentes litorais.
2.1-      Identifica os principais acidentes litorais portugueses.
2.2-      Relaciona os aspectos do litoral português com a localização dos portos marítimos.
3-      Completa o quadro caracterizando cada um dos acidentes identificados na questão dois.

Acidente
Formação
Características
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
A plataforma continental e os recursos piscícolas
1- A riqueza animal e vegetal do oceano não é regular.
    1.1- Identifica os factores que condicionam a sua riqueza biológica.
2-      Caracteriza a morfologia dos oceanos.
3-      Identifica a área dos oceanos que tem maior riqueza biológica.
3.1-            Justifica essa riqueza.
4-      Portugal, apesar da extensa costa não é muito rico em espécies piscícolas. Justifica.
5-      Refere a área de Portugal continental que é excepção a essa situação.
6-      Justifica a importância das correntes marítimas, em Portugal, para os recursos piscícolas.
7-      Nas costas portuguesa faz-se sentir movimentos de upwelling.
7.1- Define upwelling.
7.2- Explica esse movimento.
7.3- Relaciona esse movimento com a abundância de pescado na costa portuguesa durante o verão.
 
8-      Ao longo dos tempos o direito sobre o mar tem sofrido alterações.
8.1- Identifica os espaços em que o mar está dividido.
8.2- Refere de que modo evoluiu o domínio dos países sobre o mar, até aos nossos dias.
8.3- Define:
      a) mar territorial e zona contígua;
      b) ZEE.
8.4- Relativamente à ZEE, indica:
      a) os princípios que levaram à sua criação;
      b) os direitos;
c) as obrigações.
 
9-       A ZEE portuguesa é a quinta maior do mundo.
9.1- Justifica a importância desta área para Portugal.
9.2- Apesar da sua dimensão ela não é muito rica em termos piscícolas, porquê?
 
 
 
II – A actividade piscatória
 
O peixe é uma das principais riquezas que o Homem extrai do mar.
1- Justifica a importância do sector da pesca para o nosso país.
2- Caracteriza esta actividade em Portugal.
3- Os pescadores portugueses recorrem cada vez mais a águas internacionais e à ZEE de outros países.
 
3.1- Esta situação dificulta cada vez mais esta actividade, porquê?
3.2- Menciona as causas que levam os nossos pescadores a pescar fora das águas nacionais.
3.3- Identifica as principais zonas de pesca procuradas pelas embarcações que operam fora da ZEE nacional.
 
Tipos de pesca
Podem definir-se diferentes tipos de pesca de acordo com a área onde é praticada e com a tecnologia utilizada.
 
1-      Completa o quadro de modo a estabelecer as distinções entre os diferentes tipos de pesca.

Tipo
 
Características
Área
Local
 
Costeira
 
Largo
 
Tecnologia
Artesanal
 
Moderna
 

 
 
A frota pesqueira
1- Identifique os dois grupos de embarcações em que se divide a frota pesqueira portuguesa.
2- A frota pesqueira nacional tem sofrido alterações, quais?
2.1- Justifica essas alterações.
3- A pesca local é extremamente importante a diferentes níveis. Justifica frase.
 
 
Capturas e descargas
1-      Refere os motivos que têm provocado uma diminuição das capturas em águas nacionais.
2-      Explica o saldo da BC no sector pesqueiro.
3-      Identifica as principais espécies exploradas em águas nacionais.
4-      Relaciona a localização dos diferentes portos com as NUT II com maiores valores de descargas.
 
5-      Identifica o porto mais importante em termos de descarga de pescado.
6-      Apesar de o porto com maior volume de descargas se localizar no norte, os pescadores do Algarve usufruem de um rendimento superior aos das outras regiões. Justifica.
 
 
Infra-estruturas portuárias
1-      Caracteriza as infra-estruturas portuárias portuguesas.
2-      Relaciona essas características com o desenvolvimento da pesca em Portugal.
 
 
A aquicultura
1-      Refere a importância da aquicultura na actualidade.
2-      Refere os tipos de unidades de aquicultura existente.
3-      Identifica os três tipos de regimes associados à aquicultura.
4-      Menciona as principais produções aquícolas em Portugal.
5-      Refere as regiões onde a aquicultura é mais importante.
6-      Indica os principais obstáculos soa desenvolvimento desta actividade.
 
 
Indústria transformadora de produtos piscícolas
1-      Refere os subsectores desta indústria.
2-      Menciona os factores que conduziram ao retrocesso da indústria conserveira.
3-      Identifica as espécies mais usadas na produção de conservas.
4-      Refere as causas do incremento da indústria de congelação.
5-      Justifica as importações nesse subsector.
6-      A indústria de salga e secagem de peixe também têm tido um aumento, porquê?
7-      Realiza a actividade 6 da pág. 232.
 
 
A qualificação da Mão-de-obra
1- Caracteriza a população activa neste sector.
2- Explica a importância da formação profissional dos pescadores.
3- Os resultados da aposta na formação profissional dos pescadores não têm sido os esperados.
    3.1- Refere os factores responsáveis pela diminuição do número de formandos.